MINI-ARTIGOS SOBRE AS ESPÉCIES

Nesta secção encontram-se mini-artigos sobre as espécies, de forma sucinta e clara, ficamos a conhecer um pouco mais sobre a nossa fauna. Ilustrados com as melhores fotografias da espécie.

AS MINHAS MISSÕES

Ao contrário dos artigos, nas missão explico como consegui fotografar as espécies (ou observar). O que sofri e as peripécias para as conseguir fotografar tranquilamente e sem as perturbar.

TRUQUES E DICAS

Nesta secção poderá encontrar alguns truques e dicas sobre fotografia de vida selvagem e de natureza, desde as técnicas utilizadas na máquina como algumas das técnicas utilizadas no terreno.

ABRIGOS

Para além dos vários truques, existem também alguns abrigos já montados que podemos frequentar em Portugal e outros tantos em Espanha. Serão apenas colocados abrigos que tenha frequentado.

PROJETOS

Os vários projetos que tenho realizado, desde panfletos, livros, workshops, entre outros.

UM MÊS...UMA AVE

A Fundação Calouste Gulbenkian com o apoio científico da Fundação Luis de Molina e da Universidade de Évora apresenta nos jardins da fundação em Lisboa o projeto "UM MÊS...UMA AVE". Todos os meses foi apresentada uma espécie presente nos jardins da Fundação Calouste Gulbenkian. A lista de espécies do primeiro ano está terminada.

Canal Youtube onWILD

Novo canal no youtube destinado apenas a filmagens de vida selvagem. Subscrevam.

Definições Canon 7D Mark II

As definições que utilizo na minha máquina para a fotografia de aves.

sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Artigo: Sapo-de-unha-negro

http://www.flickr.com/photos/the_rock_7/sets/72157632638460707/with/10704868525/
O sapo-de-unha-negra (Pelobates cultripes) é um caso único na Península Ibérica. Este pequeno anfíbio possui uma característica muito especial, uma “unha negra” nas patas traseiras. A utilização desta unha é alvo de grande debate, por um lado pode ser uma ferramenta de um ancestral já inutilizada ou uma ferramenta utilizada para escavar para fugir a predadores. É uma espécie endémica da Península Ibérica abundante em zonas de montado e em habitats de solos arenosos.
http://www.flickr.com/photos/the_rock_7/sets/72157632638460707/with/10704868525/
Reproduz-se em charcas, lagos, charcos temporários ou poças da chuva de águas paradas e que mantenham um nível adequado de água durante alguns meses. De forma a permitir a conclusão do ciclo aquático e a correspondente metamorfose (transferência para terra). Estas massas de água devem ser livres de grandes predadores, como peixes ou o lagostim-vermelho-do-Louisiana. As primeiras chuvas de outono são o sinal ecológico para o início da reprodução. Começa assim uma migração para as charcas adequadas. As geadas e a neve que ocorre a Norte da Península Ibérica impossibilitam a reprodução, adiando-a para o começo da primavera (Fevereiro a Maio) quando as temperaturas aumentam e as chuvas continuam.
http://www.flickr.com/photos/the_rock_7/sets/72157632638460707/with/10704868525/
A principais ameaças são a contaminação e poluição das águas por produtos agrícolas ou pelo excedo de gado nos terrenos, mas também são ameaçados pela introdução de espécies exóticas (de peixes e do lagostim-vermelho-do-Louisiana) e pelo atropelamento durante as pequenas migrações até às melhores charcas ou entre charcas.
http://www.flickr.com/photos/the_rock_7/sets/72157632638460707/with/10704868525/

http://www.flickr.com/photos/the_rock_7/sets/72157632638460707/with/10704868525/

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Artigo: Grifo


Galeria do Grifo no Flickr
EXIF  f/8  1/800 seg. ISO-400  400mm

O grifo (Gyps fulvus) é uma necrófaga de grande porte, mais pequena que o abutre-preto (Aegypius monachus). Alimenta-se de carcaças de mamíferos de médio ou grande porte (mortos), preferindo os músculos e as vísceras. Estes podem ser selvagens (veado, gamo, javali) ou domésticos (vacas, cabras, ovelhas, porcos). Procura alimento em zonas abertas com poucas árvores onde consegue aterrar e levantar em segurança. Prefere planícies, montanhas ou planaltos montanhosos e evita zonas florestadas ou com densa vegetação, tal como zonas húmidas.

Galeria do Grifo no Flickr
EXIF  f/8  1/500 seg. ISO-400  400mm

Na região da ZPE Moura-Mourão-Barrancos é comum observar colunas de grifos a rodopiar, apanhando as correntes ascendentes de ar quente que se formam pela manhã. Raramente batem as asas, preferindo planar longas distâncias sem consumir energia necessária ao voo normal. Dormem em grupo em escarpas ou em afloramentos rochosos montanhosos. Por vezes, estes locais correspondem aos locais de nidificação ou perto dos locais de alimentação. Levanta voo com o aumento da temperatura que cria as necessárias correntes ascendentes, propícias para planar.

Galeria do Grifo no Flickr
EXIF  f/8  1/640 seg. ISO-400  400mm

CAMPANHA ZERO POISON FOR LIFE
O uso ilegal de venenos para controlar populações de predadores permanece uma prática corrente e silenciosa que afeta todos os anos centenas de animais domésticos e selvagens, muitos destes últimos com elevado estatuto de conservação.

Galeria do Grifo no Flickr
EXIF  f/8  1/640 seg. ISO-400  400mm

O CEAI é uma Organização Não Governamental de ambiente, sem fins lucrativos, sediada em Évora, no sul de Portugal. Fundado a partir do entusiasmo e pela paixão pela natureza de um grupo de jovens, o CEAI tem hoje mais de 20 anos de existência e é responsável pela implementação de diversos projetos de conservação da natureza, caracterizados pelo forte envolvimento das comunidades locais e na compatibilização das atividades humanas com a preservação do património natural.


Galeria do Grifo no Flickr
EXIF  f/8  1/500 seg. ISO-400  400mm

Apesar dos efeitos nefastos sobre o homem e a natureza, o uso de venenos como método de controlo das populações de predadores foi durante muitos séculos uma prática legal. Hoje em dia este método é considerado ilegal, devido à sua não seletividade, às consequências imprevisíveis que tem e à existência de alternativas.
O cão, a raposa, o abutre preto, a águia imperial ibérica, o milhafre real ou o lince ibérico, são apenas alguns dos animais particularmente sensíveis ao uso de venenos.
Mais informações sobre a campanha em: http://www.indiegogo.com/projects/zero-poison-for-life

Galeria do Grifo no Flickr
EXIF  f/8  1/500 seg. ISO-400  400mm