MINI-ARTIGOS SOBRE AS ESPÉCIES

Nesta secção encontram-se mini-artigos sobre as espécies, de forma sucinta e clara, ficamos a conhecer um pouco mais sobre a nossa fauna. Ilustrados com as melhores fotografias da espécie.

AS MINHAS MISSÕES

Ao contrário dos artigos, nas missão explico como consegui fotografar as espécies (ou observar). O que sofri e as peripécias para as conseguir fotografar tranquilamente e sem as perturbar.

TRUQUES E DICAS

Nesta secção poderá encontrar alguns truques e dicas sobre fotografia de vida selvagem e de natureza, desde as técnicas utilizadas na máquina como algumas das técnicas utilizadas no terreno.

ABRIGOS

Para além dos vários truques, existem também alguns abrigos já montados que podemos frequentar em Portugal e outros tantos em Espanha. Serão apenas colocados abrigos que tenha frequentado.

PROJETOS

Os vários projetos que tenho realizado, desde panfletos, livros, workshops, entre outros.

UM MÊS...UMA AVE

A Fundação Calouste Gulbenkian com o apoio científico da Fundação Luis de Molina e da Universidade de Évora apresenta nos jardins da fundação em Lisboa o projeto "UM MÊS...UMA AVE". Todos os meses foi apresentada uma espécie presente nos jardins da Fundação Calouste Gulbenkian. A lista de espécies do primeiro ano está terminada.

Canal Youtube onWILD

Novo canal no youtube destinado apenas a filmagens de vida selvagem. Subscrevam.

Definições Canon 7D Mark II

As definições que utilizo na minha máquina para a fotografia de aves.

sábado, 27 de março de 2010

Crias de Tigre


Mais uma vez o zoo encontra-se cheio de crias, as imagens desta mensagem são apenas as crias do tigre de sumatra, mais tarde hei-de colocar as do leopardo da pérsia e a maravilhosa cria de hipopotamo pigmeu.

Começando por estes pequenotes, são demasiado irrequietos o que dificulta imenso a tarefa de tirar fotos. São três as novas crias, e observar constatemente o que elas andam a fazer é uma tarefa bastante dificil. Por vezes, a cria maior começa a atacar as outras duas, e isto continua durante longos minutos até as três se cansarem. Hoje estavam bastante quietas, e permaneceram a limpar-se calmamente, isto é, olhos fechados e linguas de fora =)

Mas o melhor aconteceu quando uma criança brincava numa das casas de observação, para quem nunca lá foi eu vou explicar, existem duas casas de observação com vidros, facilita as fotos e os animais acabam por ficar bastante perto, porque evita as vedações e consequentemente o espaço de segurança que tem de existir entre nós e elas. O que se sucedeu foi que os pequenotes estavam todos na casa de cima enquanto a criança brincava na casa debaixo, isto é, aproximava-se do vidro e voltava a afastar-se, no meio desta brincadeira uma das crias de tigre viu e foi a correr em direcção à criança, nisto a criança volta até ao vidro e vê o tigre a correr na sua direcção...já estão a imaginar, a criança apanhou um susto enorme e saiu a correr da casa em direcção ao pai, o tigre lá ficou triste a olhar pelo vidro e à espera de brincadeira =)

Tigre de Sumatra
Sumatran Tiger
Panthera tigris sumatrae

sexta-feira, 26 de março de 2010

Lontra Marinha


O oceanário de Lisboa alberga uma quantidade impressionante de animais, são cerca de 8000 espécies animais que necessitam de alimentação diáriamente, manter esta bocas todas não é tarefa fácil. Por vezes, nas visitas realizadas ao oceanário podemos nos deparar com a alimentação de certos animais, desde as várias anemonas que existem um pouco por todos os tanques, como os pinguins ou, neste caso, as lontras marinhas.
A alimentação do dia consistia em lula (crua) e mexilhão, por vezes a alimentação consiste de lagostins, sapateiras, camarão, etc... Quando algo deste genero acontece no oceanário ou em qualquer outro local com animais, as pessoas tendem a aglomerar-se para poderem ver de perto o que se está a passar, e quem for ao oceanário num dia da semana vai achá-lo deveras cheio, principalmente com visitas de estudos e turistas. Por isso, há que conhecer bem a zona e saber quais os melhores locais para fotografar, evitando encontrões desnecessários por parte de quem acaba de chegar e quer à força "saltar" para dentro de água, como tal procuro sempre locais que possa ficar perto da acção e longe ao mesmo tempo.
As lontras são animais muito pouco tímidos, e por isso, brindam-nos sempre com algo divertido e possivel de captar, como quando abrem a boca, desta vez depois de comerem ficaram as duas a lavar-se. Foi tal esfreganço que até apareceu na foto, são animais muito limpinhos e brincalhões, porque imediatamente depois de se lavarem começaram as duas a brincar =)

Nome: Lontra-marinha
Name: Sea Otter
Nome Científico: Enhydra lutris (Linnaeus)

A lontra-marinha é um mamífero que está bem adaptado à vida no mar. O seu pêlo é constituído por duas camadas, muito densas, que prendem bolhas de ar entre as fibras oleosas o que a mantém seca e protegida do frio. Estes animais extraordinários possuem a habilidade de utilizar ferramentas para abrir as carapaças e conchas das suas presas, normalmente bivalves que apanham, batendo-lhes repetidamente com uma pedra cuidadosamente escolhida. São importantes para o ecossistema porque ao se alimentarem de ouriços, protegem as outras populações associadas aos mantos de kelp.
Fonte: http://www.oceanario.pt/

domingo, 14 de março de 2010

Waterfall

Cascata de água em Sintra. Para mim este é um dos locais mais bonitos mais perto de lisboa, a paisagem é simplesmente inacreditavel e proporciona sempre fotos espectaculares. Esta manha o dia estava excelente, mas por algum motivo a serra de Sintra encontrava-se deserta de animais... Não vi um único insecto ou réptil, conseguia ouvir algumas aves e vi um grande número de tritões num dos lagos, mas apenas num... Achei bastante estranho, porque sempre que lá vou encontro montes de animais, especialmente insectos. Hoje nem uma lagartixa para "amostra", por isso, há que virar para o resto da paisagem,  e sintra tem locais muito bonitos mesmo.
Tirei bastantes fotos a flores que irei postar aqui durante a próxima semana =)